Livrai-nos

Primeira visita à Vila de Santo André... Balsa aberta, eu e a alegria da Tania...

Primeira visita à Vila de Santo André… Balsa aberta, eu e a alegria da Tania…

Ardilosa, matreira, falsa é a depressão. Pega no susto, vai corroendo de mansinho, criando artimanhas, se esconde entre sorrisos e de repente explode de uma forma que nem dá tempo para pedir socorro. Tira do eixo e a vida escapole num salto.

Hoje perdi uma amiga assim e aprendi que não posso confiar na alegria dos posts no facebook, nem nas curtidas… É preciso mais palavras, conversas ao telefone, visitas, olhar no olho, pegar na mão e saber como vai a vida… Ah! Tania, você surpreendeu a todos os seus amigos. Ensolarada, alto astral, feliz, algum nó deu em seu coração e a opção foi o caminho mais curto…Fiquei esperando a sua visita para relembrar o primeiro verão na pousada, o réveillon da estreia, a boa sorte que você trouxe com toda a sua alegria…

Peço a Deus que você siga em paz. Peço também à Deus que nestes tempos em que não somos mais tão jovens, afaste de nós não as dores, pois para elas tem remédio, mas livrai-nos dos maus pensamentos, das caraminholas, dos falsos desejos, da menos valia, da baixa estima e da solidão, pois o caminho para a depressão é silencioso e cruel…

Anúncios

5 Respostas para “Livrai-nos

  1. Que triste !……….
    LÉA minha amiga…..”DEPRESSÃO”……… Ela chega de mansinho…..e quando isso acontece se nao tiver uma mão muuuuito AMIGA para nos segurar…………quando vc menos espera já está num caminho sem volta.
    EU VIVI ISSO !
    Bjs.

  2. Um beijo, Loura. Não me lembro dela, mas já sinto pena.

  3. Estou triste e sem palavras. Beijo

  4. Sobre a depressão

    Dizem que é genético, a depressão.
    E o que importa se é ou não?
    Minora? abranda? Suaviza? Resolve?
    Teorizam e ganham dinheiro prá isso,
    inventam remédios que já tomei,
    discursos que já ouvi…
    Descubro hoje que há um tempo
    em que vemos a depressão,
    outrora sentida, ressentida, doída:
    É na maturidade, onde até
    a própria depressão amadurece
    e prepara-se como um sacerdote
    a professar os ritos, as orações,
    os gestos…
    Repete-se cruel e impiedosa,
    pois já não vemos no espelho
    o futuro que desconhecemos,
    ainda travestido de esperança.
    Nua e crua, senta-se na melhor cadeira,
    deita-se na rede,
    dorme na cama,
    toma o café da manhã
    e anoitece…

  5. …SEI BEM COMO É…MUITAS VEZES NÃO É POSSIVEL PERCEBER…QUE ESPIRITOS DE LUZ ESTEJAM AO LADO DELA.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s